Coisas Boas em Alta
Notícias em Alta

o novo disco de Fernando Cunha “A linha do tempo”

Toda a gente que gosta de música pop rock, conhece o Fernando Cunha


Foi um dos fundadores dos Delfins, Ar de Rock e dos Resistência.

Fui aos dois concertos dos Resistência e la o vi muito direito, vestido de preto com o seu boné  a dedilhar a sua guitarra.

Tem uma voz característica que a mim me parece um pouco aguda e por isso mesmo diferente.

Tem uma bela dicção e faz sair as palavras como balas. A voz é espetacular e é muito aplaudido quando nos apercebemos que ele se  prepara para cantar.


Agora está prestes a lançar um novo trabalho com o nome de “A linha do  tempo”.


Neste novo Álbum dará a voz, a guitarra elétrica, acústica e baixa e mexe nos sintetizadores.


É um disco masterizado em Inglaterra e até agora só podemos ouvir o single “A Máscara”, já disponível em todas as plataformas digitais.

A música é o espelho do tempos vivido nos últimos 2 anos.

O tempo que ninguém pediu, mas que infelizmente se impôs e tivemos de aguentar. 

Dia 09 de Abril o artista atua no Hard Club, no Porto, e dia 13 , sobe ao palco do Teatro Maria Matos, em Lisboa. Serão duas datas ao vivo, onde os 12 temas que compõem este novo trabalho serão tocados e ouvidos na íntegra pela primeira vez.

Nas duas exibições ao vivo será possível conhecer o novo trabalho e ainda alguns dos temas mais marcantes editados a solo pelo artista. 

Em palco, Fernando Cunha terá a seu lado alguns dos nomes que contribuíram com o seu talento para este disco criado num período tão atípico. Paulo Costa (Ritual Tejo e Ar De Rock), Diogo Campos (Legal Evidence e Ar De Rock) e Maria León (Ravel, Ar De Rock e Chameleon Collective) são os convidados especiais que se juntam para celebração este novo registo de originais. 

Vamos lá a estes concertos desanuviar a cabeça e ouvir boa música.

Recomendo.

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x