Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

Adega Tia Matilde

Aos 101 anos, partiu Emílio Andrade, proprietário de um dos mais conceituados restaurantes de Lisboa, a Adega Tia Matilde

Emílio Andrade começou muito cedo a trabalhar para ajudar os pais na então taberna, fundada em 1926, e transformada na atual Adega Tia Matilde em Lisboa.

Fui recebida amavelmente por um neto que me levou a mesa e estivemos a trocar umas palavras sobre o restaurante. Fiquei abismada com a destreza do serviço da Adega da Tia Matilde:  bons profissionais, aguentam pratos e travessas com um sorriso simpatico mas profissional.

Pedi o prato de bacalhau no forno que veio com batata e grelos e coberto com um azeite de muito boa qualidade e bastante alho. La fui desfrutando do ambiente requintado mas sóbrio.

Para sobremesa veio um arroz doce cremoso e feito com paciência para não grudar. 

Há um espaço dedicado a mesa onde comia o Eusébio e o dono do espaço muito bonito com a mesa posta à espera dos que infelizmente não vão la voltar.

 O ambiente é calmo com recantos bem pensados .

Por pessoa com vinho ficou em 40€. Aconselho a escolha para se comemorar um aniversário ou uma data especial. Ficará na minha memória este almoço de grande qualidade. E um dia não são dias.

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x