Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

Rui dos Pregos

Com  vontade de passear sem programa definido fui até ao MAAT na zona ribeirinha. 

Começou mal o passeio pois o museu está fechado este mês.

Mas hoje nada me fazia perder o ânimo. 

Fui então até as Docas de Santo Amaro e sem contar,  estava a frente do Restaurante Rui dos Pregos

Chovia e o vento incomodava mas resolvi sentar-me na esplanada e pedi um Prego no Pão, batatas fritas e uma Imperial. 

Só estavam estrangeiros pois não é dia para sair de casa e comi tranquilamente, o prego que me soube muito bem.

A carne é boa e o pão molhado de molho estava bom. 

O bife é batido e fica  fino como eu gosto.

O prego no pão custou 3.20€ e uma dose de batatas 2.50€. 

Continuava a chover mas eu não sou de desistir.

Depois de olhar o Tejo fui a caminho do Museu do Oriente onde passei o tempo que me apeteceu a observar jarros e jarrões do Oriente. 

Este museu foi inaugurado em 2008, e é considerado um espaço de conhecimento e que conta a história da relação  entre os portugueses e os povos da Ásia.

O museu tem uma espólio de arte do Japão, Timor, Índia e Ceilão e foi uma visita preciosa.

São 14000 peças distribuídas com gosto e aconselho vivamente. 

A chuva continuou mas para finalizar resolvi ir até aos Pastéis de Belém que estava quase vazio e para finalizar este passeio, comi um pastel.

Está frio, e volto para casa.

Se ficar constipada não é de admirar. 

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x