Coisas Boas em Alta
Notícias em Alta

Xanana Gusmão

O quê que eu tenho de comum com Xanana Gusmão?

O termos nascido em Timor.

Já me cruzei muitas vezes com ele e é uma simpatia com um sentido de humor vincado e eu gosto dele.
Xanana Gusmão torna-se então no primeiro  timorense distinguido com o Prémio Guerra Junqueiro.

Instituído desde 2017, em Portugal, o primeiro prémio foi atribuído a Manuel Alegre, seguindo-se Nuno Júdice, em 2018, José Jorge Letria, em 2019, Ana Luísa Amaral, em 2020, e em 2021 a Hélia Correia.

O presidente de Timor-Leste, Xanana Gusmão vai receber o Prémio Literário Guerra Junqueiro, relativo a Timor-Leste, numa cerimónia que vai decorrer em Freixo de Espada à Cinta, terra natal de Guerra Junqueira.

Político timorense e um dos principais ativistas pela independência de Timor, Xanana Gusmão é hoje presidente do Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT), tendo sido durante anos líder da resistência timorense contra a ocupação indonésia e, após a independência, Presidente de Timor-Leste e primeiro-ministro.


Escreve belos poemas que  são a memória de um homem que viveu a experiência dos traumas da violação do direito à vida e à liberdade.

A sua poesia é a voz coletiva do povo timorense.

Para além da política, Gusmão assinou poesia e pintura, com títulos publicados como “Mar Meu”.
Xanana Gusmão reflete a influência de Guerra Junqueiro e todo o entusiasmo literário que os caracteriza.
Viva Xanana!

Viva Timor!

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x