Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

As Queijadas da Ti Maria Rata

Na área de serviço de Pombal estavam na montra umas belas queijadas a olhar para mim.

Pedi uma e gostei.

São sóbrias e não são enjoativas. 

São um produto originário dos doces de Maria Gomes Carvalheiro, conhecida por Maria Rata,  que começou a ser produzido em 1998, pela pastelaria Filinata em Pombal.

Feitos com uma massa fina, com farinha, leite e manteiga, cheia de recheio de doce fabricado essencialmente com queijo fresco, ovos, farinha de trigo, açúcar e manteiga. Muito macios. 

Estas queijadas são preparados só com produtos de origem nacional o que me agradou também.

A  queijada da Ti Maria Rata tem uma forma engraçada  que a torna invulgar e diferente das outras que são conhecidas por todos nós, uma vez que na sua produção  se utilizam umas formas, de formato arredondado, com nove pontas, cujo modelo foi criado pela própria Maria Rata, no Largo do Cardal, em Pombal, por volta de 1930. 

Estas queijadas são dos  mais conceituados doces do Concelho de Pombal e fazem parte da identidade coletiva dos pombalenses.

Bravo! Experimentem e vão ver que eu tenho razão!

Muito saborosas.

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x