Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

Bebinca

Conheço e saboreio a Bebinca penso que desde que nasci.

Faz parte da minha família pois a minha mãe nasceu em Goa e trouxe e transportou junto ao coração a receita feita de geração em geração.

É uma sobremesa tradicional da doçaria Goesa, e a receita original é oriunda de uma missionária portuguesa de nome Bebiana do Convento de Sta.Marta em Goa.

Bebiana aproveitou o seu conhecimento na doçaria conventual portuguesa ,daí a inclusão de muitas gemas e acrescentou ingredientes e técnicas usadas na região Goesa,  tal como o leite de côco e a noz moscada e a técnica de cozedura em panelas de barro que se punham sobre brasas cobertas com tampas igualmente de barro sobre as quais eram cozidos esta deliciosa sobremesa.  

Este doce é feito com 7 camadas o que originou a denominação de Bebinca das 7 folhas. 

Uma sobremesa da culinária indo-portuguesa a que facilmente nos afeiçoamos porque não lhe estranhamos os ingredientes.

Produzir uma Bebinca no forno doméstico é, também, um ato de coragem.

Não é à toa que estamos perante o doce entre sete a dez camadas, podendo chegar às 16.

Cada uma cozida à vez, horas a fio de atenção e rigor na fórmula de confeção.

Mais de oito horas de trabalho culinário para um resultado final que nunca nos deixa indiferentes.

Ainda quente, um aroma bem marcado às especiarias, tom dourado, textura firme mas sem oferecer resistência à faca. Uma maciez quase de pudim ou de um requeijão firme.

Já no prato, podemos comparar o corte transversal, camada sobre camada.

Se lhe apetecer apenas comprar pode fazer na Bebinca da Tessa onde pode pedir uma fatia, meia Bebinca ou uma inteira de 2 kms. Telemóvel 914950157 .

Vai gostar

Subscreva
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x
()
x