Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

A Confraria

O cabrito de cachafrito é um prato muito apreciado no Alto Alentejo de origem judaíca.

Mas o que muita gente desconhece, é a origem desta receita antiga.


Reza a história que os antigos do Alto Alentejo, com dificuldade em conservar a carne, sem que esta se estragasse, inventaram a técnica do cachafrito.

A carne era cozida, temperada em cebola e conservada num pote de banha.


Nos dias de festa, a carne era frita enquanto a banha que a envolvia se derretia vagarosamente.

A prática acabou por se revelar um sucesso e surgia assim um prato cujo sabor e tradição perdurou até aos dias de hoje.

Uma verdadeira maravilha bem aromatizada por uma hortelã de sabor intenso e fresco.

A alhada de cação com coentros é outra reliquia alentejana, uma tradição que se mantem de um peixe pouco consumido em Portugal, e que ia para o interior Alentejano, porque o outro não passava das zonas de costa.

Com o excelente sabor dos alhos e coentros, este caldo cremoso é uma delícia e todos vão apreciar.

As forófias sem serem um prato típico do Alentejo, estavam fantásticas.

Restaurante em Castelo de Vide com um atendimento fabuloso, pela simpatia e na informação disponiblizada sobre a gastronomia da região.

O vinho tinto alentejano da Jerumenha é muito bom e recomenda-se.

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x