Coisas Boas em Alta
Histórias em Alta,  Produtos em Alta

Talheres – Cutipol

Até o século XI, as pessoas utilizavam as mãos para comer.

Domenico Selva, membro da corte de Veneza, aparece com um objeto pontiagudo, com dois dentes, que usava para espetar os alimentos e levá–los a boca.

Esse primeiro garfo foi considerado uma heresia: o alimento, fornecido por Deus, era sagrado, e tinha de ser comido com as mãos.

Pouco a pouco, a nobreza e o clero foram adoptando a faça mas o garfo foi mais difícil de se introduzir.

Por isso a faca é o mais antigo dos talheres, pois foi o homo erectus quem criou o primeiro objeto cortante, feito de pedra, para caçar e para se defender.

O primeiro a sugerir que cada homem deveria ter um talher para ser usado exclusivamente à mesa foi o cardeal francês Richelieu, um fervoroso defensor das boas maneiras, por volta de 1630.

Mas agora a história é outra! A imaginação não tem limites!

Talheres de design ousado, inspirado na natureza, que lembram galhos de plantas a que se associam aos utensílios de mesa.

Embora se afastem bastante dos talheres convencionais, são perfeitamente cómodos e bonitos de se usar.

Passeando pela Rua do Alecrim parei para ver a  grande oferta de faqueiros que a Cutipol oferece e adorei ver os talheres da marca Sambonet uma empresa italiana fundada em 1856 que agora se abre e diversifica os tradicionais modelos e oferece talheres de aço inoxidável, prata feitos com a colaboração de designers modernos nos apresentam talheres lindos.

Haja dinheiro!

Subscreva
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x
()
x