Coisas Boas em Alta
Notícias em Alta

O Plantador de Abóboras – Luís Cardoso

Luís Cardoso é o antigo porta-voz da resistência timorense em Portugal.

Diplomata e escritor.

O Plantador de Abóboras, escrito em Oeiras a olhar para o mar.

O novo  livro do grande escritor  timorense, fala-nos de uma mulher que evoca a vida dos timorenses sob os sucessivos  domínios português,  japonês e indonésio.

E também das catástrofes que os timorenses viveram ao longo do século 20.

Luís Cardoso, mais conhecido por Takas,  é licenciado pelo Instituto Superior de Agronomia,  de Lisboa, e integrou a Resistência Timorense no exílio até à libertação, em 1999.

Presentemente é um dos maiores escritores da língua portuguesa

O livro é uma alegoria poética sobre a História de Timor.

Luís Cardoso nasceu  em Kailko, uma pequena vila no interior de Timor.

Luís Cardoso

Passou a infância na ilha de Ataúro, que aparece referenciada em alguns dos seus livros.  

Licenciou-se em silvicultura no Instituto Superior de Agronomia de Lisboa.

Desempenhou as funções de representante do Conselho Nacional da Resistência Maubere em Portugal.

É autor dos romances: Crónica de uma Travessia (1997), Olhos de Coruja Olhos de Gato Bravo (2002), A última morte do coronel Santiago (2003), Requiem para o navegador solitário (2007), O ano em que Pigafetta completou a circum-navegação (2013) e Para onde vão os gatos quando morrem? (2017).

Tudo bem escrito e aconselho vivamente a conhecer os livros deste meu conterrâneo timorense.

Parabéns Luís! 

Subscreva
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x
()
x