Coisas Boas em Alta
Notícias em Alta

MAAT com exposição do Bairro da Jamaica

O lote 10 do Bairro da Jamaica tem uma bela exposição no MAAT.

Este lote guarda as histórias e os retratos de quem ainda mora neste prédio inacabado  do Seixal.

Faz parte da bonita mostra “X não é um país pequeno” que está aberta no MAAT até Setembro. 

No interior deste “Model of Jamaika” estão expostas fotografias, e é contada a história do bairro.  

Um vídeo projetado, relata o dia a dia dos moradores  e o interessante é que as filmagens foram feitas pelos próprios.

A música “Perspetiva” di Rapper Kid Robinn, serve de banda sonora.

Então ate Setembro, o Bairro da Jamaica, no Seixal, vai estar em destaque no MAAT.

Esta instalação é o resultado de uma colaboração entre vários moradores do bairro, o fotógrafo José Sarmento Matos, o arquiteto Paulo Moreira, o rapper Kid Robinn e o Chão,  Oficina de Etnografia Urbana.

É o único projeto português incluído nesta exposição maior, que tem curadoria de Aric Chen e Martina Muzi.

Felizmente já mais de 60 famílias começavam a ser realojadas, antes da demolição do lote 10.

Os lotes inacabados do bairro do Vale dos Chícharos, conhecido como bairro da Jamaica, foram ocupados a partir da década de 1980, por famílias portuguesas e imigrantes de São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau, Angola e Cabo Verde, após a falência da empresa que detinha o terreno.

Eu sugiro que façam um passeio pela zona ribeirinha e entrem no MAAT para conhecerem o edifício que é uma maravilha. 

MAAT com exposição do Bairro da Jamaica

Situado na frente ribeirinha da zona histórica de Belém, em Lisboa, o campus da Fundação EDP abrange uma área de 38.000 metros quadrados que engloba uma central termoelétrica reconvertida, a Central Tejo, edifício emblemático da arquitetura industrial construído em 1908  e um novo edifício desenhado pelo estúdio de arquitetura londrino Amanda Levete Architects.

Ambos os edifícios acolhem exposições e eventos programados pelo museu e estão ligados por um jardim projetado pelo arquiteto paisagista libanês Vladimir Djurovic. 

O Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia é um museu de arte contemporânea em Lisboa, que cruza três áreas num espaço de debate, de descoberta, de pensamento crítico e de diálogo internacional .

Vão até lá!

Subscreva
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x