Coisas Boas em Alta
Notícias Boas

Cannabis

Eu gosto de ler notícias sobre prêmios ganhos, melhores hotéis e restaurantes, grandes vitórias tudo do gênero.

Hoje é sobre a maior plantação de cannabis da Europa e é imaginem, lá no Alentejo.

A maior plantação de Cannabis medicinal da Europa está no Alentejo, em Aljustrel, e foi destaque na consagrada revista National Geographic.

Falando da cannabis, a revista norte-americana enfatiza o carácter inovador do projeto de plantação de canábis medicinal de Aljustrel.

Prevê-se que a plantação , que é já a maior do gênero da Europa, possa atingir, em 2021, e após 45 milhões de euros de investimento, os 40 hectares, sendo que a empresa responsável, a RPK BioPharma prevê criar mais 65 postos de trabalho.

 O total  são 200 colaboradores logo que o projeto esteja em pleno funcionamento. A sua produção anual será de 500 toneladas.

A plantação alentejana – autorizada pelo Infarmed – começou em 2019 pela  sociedade canadiana Flowr Corporation e a produção, depois de plantada e colhida, é tratada numa fábrica em Sintra, o que permite exportar produtos de canábis medicinal acabados para mercados internacionais.

A plantação ocupa uma vasta área de estufas, viveiros, incubadoras de plantas e uma unidade de transformação, contabilizando cerca de 45 mil pés da planta nos seus quase nove hectares.

A cannabis, foi das primeiras plantas cultivadas pelo Homem e não é uma substância de uso legalizado na maior parte dos países.

Contem compostos químicos designados canabinoides, substâncias que após ingestão ou produzem efeitos psicotrópicos e sobrecarregam os níveis naturais de tetrahidrocanabinol (ou THC) nos sistemas nervoso central e cardiovascular.

O THC diminui a quantidade de informação transmitida pelos neurotransmissores, resultando em efeitos psicoativos como falta de coordenação, perda de memória, alucinações e aumento de apetite, e estas suas características químicas têm permitido o seu uso na medicina para doentes com epilepsia ou cancro.

Deixe um comentário

%d bloggers like this: