Coisas Boas em Alta
Histórias boas

A bandeira portuguesa

A bandeira da República Portuguesa assumiu as cores atuais após a implementação da República em 5 de outubro de 1910.

Substituiu à bandeira azul e branca da monarquia e herdou as cores dos estandartes revolucionários do século XIX.

Divide-se verticalmente em duas cores, verde e vermelho, ficando o verde do lado do mastro.

No centro, está o escudo das Armas Nacionais, de branco, assente sobre a esfera armilar manuelina, em amarelo e avivada de negro.

O comprimento é uma vez e meia superior à altura.

O verde ocupa dois quintos do tamanho da bandeira e o vermelho, ocupa os restantes três quintos.

O emblema preenche metade da altura, ficando a igual distância da orla superior e inferior.

A que propósito estou eu a falar da minha bandeira?

Apenas por um motivo.

Eu nasci em Timor que fica de Portugal a 20,900 kms.

Pois há laços que não se explicam.

Agora no futebol enquanto nós os portugueses sofríamos a puxar pela nossa seleção, andavam os timorenses a carregar a nossa bandeira, fosse numa casa de um bairro meio pobre até na capital pelas ruas e avenidas.

Qual a explicação para isto?

Apenas a amizade.

Gostei e a emoção foi forte.

Viva Portugal e viva Timor Leste!

Deixe um comentário

%d bloggers like this: