Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

Monte do Tintolê

Quem passa na Rua Actriz Virginia, nº 15-A, junto ao Areeiro, não dá facilmente com o Monte do Tintolê, visto o mesmo não ter nada na porta a identificar este espaço.


Fazendo o aproveitamento de uma antiga tasca, daquelas com um balcão de ponta a ponta, foi mantida toda a estrutura do antigo espaço.

Apenas com alguns acrescentos que tornam o espaço agradável.


Aqui chegados, um casal a beber um copo de vinho ao balcão e ninguém dentro da pequena sala, que alberga cerca de 10 ou 12 lugares sentados, não mais…


Pessoal simpático, logo nos foi proposto um cesto de pão (1,5€) azeitonas (1,5€) e um queijinho seco com azeite e oregãos (3€).

Com uma boa apresentação, o pão (3 tipos) vieram numa travessa de cortiça, o que até me pareceu que era aqueles utensílios onde era bebida a água fresca no Alentejo.

O pão (branco) não vinha estaladiço e até me pareceu que não era do próprio dia.

O de centeio e a broa de milho, esses sim frescos.


O queijo estava no ponto e era muito saboroso. As azeitonas eram simples (sem tempero) mas saborosas.


Quanto ao prato principal, Filetes de Peixe Galo com Arroz de Tomate (9,5€) vamos lá analisar…


Quanto aos filetes o peixe propriamente dito estava irrepreensível, de frescura e textura, embora na textura, embora acabados de fritar, traziam demasiado óleo e queimaduras no polme, o que acaba por “estragar” o resultado final dum filete, podendo o mesmo ficar estaladiço como se quer.


Quanto ao arroz, com um sabor maravilhoso, fruto de bons produtos e de um bom tempero.

Pena o mesmo ter sido aquecido (provavelmente do almoço) e não feito na hora. Este prato merecia um arroz feito na hora, malandrinho e com bastante molho, fica aqui a sugestão.


Acompanhado por um copo de vinho Caiado (3€), embora não deslumbrasse, este prato podia ter muito potencial atendendo a estas duas sugestões (arroz na hora e a fritura) 


Já não houve “espaço” para as sobremesas, mas ainda houve para um Licor de Poejo, simpaticamente oferecida pelo Chef.


Pelo potencial deste espaço e por achar que estes pequenos pormenores poderão ser facilmente resolvidos, voltarei para experimentar outras sugestões. 


Visite também e ajude estes empreendedores que fogem ao Fast-Food e apostam na gastronomia tipicamente portuguesa.


Também poderá convidar uns amigos e experimentar umas tábuas de queijo, ovos com farinheira, e uns croquetes caseiros entre outros.


Não se esqueça de reservar..

Subscreva
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Armindo Serra
Armindo Serra
25 dias atrás

Pela descrição , não entendo onde está o interesse do local…

1
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x
()
x