Coisas Boas em Alta
Gastronomia em Alta

Take-Away estranho

Confinados que estamos, nem sempre apetece cozinhar em casa, ou apetece-nos aquele prato ou petisco que de todo, mesmo com vontade, não sabemos ou não podemos.

Um destes casos é o Sushi, sobretudo se for dos bons!!

Vou aqui falar de duas experiências diferentes, mas com um denominador comum.

Quando se tem vontade de comer sushi, com menos grau de exigência, vamos ao “pé da porta”.

Ora vamos comparar as duas diferenças.

Sou cliente assíduo do Sushi Delícia, um restaurante gerido por Nepaleses que queriam abrir um negócio, e optaram por um restaurante ao invés duma mercearia de bairro, daquelas de conveniência que tem tudo o que nos falta à última da hora.

Mas abrir um restaurante de Sushi não é para todos, sobretudo se formos fiéis à confecção como os japoneses a “inventaram”.

Ora uma das invenções, são os rolos fritos! Onde é que viram isso?

Cheira-me a “brasileirisses”, bem como o sushi com morangos, frutas, e o pior de tudo… aquele molho que tira, ou melhor, se sobrepõe a qualquer outro sabor que esteja na peça propriamente dita.

Mas enfim…por cerca de 20 euros, e porque são 40 peças, ao contrário no restaurante, onde é All You can Eat, as peças “encolhem” para metade do tamanho, mas também de vez em quando é bom…

Mesmo bom, é o sushi do Aron…

Sem molhos, frutas, e peixe mesmo fresco, que aqui não se põe em causa a escola (Aya) onde o Chef Aron aprendeu…

Ontem, estava-me mesmo a apetecer, e (porque mereço) depois duma consulta no urologista, onde um homem é violentado na sua masculinidade, resolvi mimar-me com um pedido ao Aron Sushi.

Ligação feita, encomenda e hora combinada para Take-Away, com todos os pormenores acertados, eis que chego ao restaurante para onde liguei (Aron Saldanha) e para espanto meu… fechado sem nenhuma indicação para além do tradicional… fechado!!

Nos primeiros segundos, ainda equacionei ter-me enganado, e encomendado naquele pequeno lote de restaurantes japoneses a sério!!!

Mas não, não era possível…

Olhei para o telefone e confirmei… tinha ligado por volta das 14h30 a encomendar, e não, não me tinha enganado, porque tinha o nome do restaurante registado no telemóvel.

Volto a ligar, a dizer que estava à porta do restaurante para recolher a encomenda feita, e do outro lado uma voz com sotaque a dizer-me que o restaurante que faz Take-Away é o “outro “, ao pé do Corte Inglês.

Como devem calcular, fiquei com vontade de dar meia-volta, e voltar para casa, pois tinha feito uns bons quilómetros para comer bom sushi, e não ia voltar para casa de mãos a abanar…

Voltei ao carro, e a minha consciência, dizia-me que estávamos numa pandemia horrível, que as pessoas precisam de trabalhar, e que a qualidade dos produtos servidos, não tem nada a ver com o mau atendimento.

E lá voltei…

Paguei, voltei para casa, e sim…a qualidade permanece igual, sem nada a apontar…o mesmo corte, o mesmo sabor, estava lá tudo. Igual a como se tivesse comido num dos dois restaurantes do Chef Aron, sem concessões.

PS. – Esperava que pelo engano do restaurante, me tivesse sido oferecido um miminho, pelo incômodo causado ao cliente, mas nada! Nem um rolinho a mais…enfim!!!

Subscreva
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x
()
x