Coisas Boas em Alta
Entretenimento em Alta

Lua Amarela

Tento nunca faltar as peças que os Artistas Unidos apresentam.

Sejam do próprio grupo ao até de acolhimento.

Ontem não sabia ao que aí.

Quando começou o espetáculo vi logo que não era para dispor bem e sair de sorriso.

Em cena estava 2 atores muito novos.

O Macho Lee e a Leila e outro que é padrasto do Lee.

Os atores com uma bela dicção, com uma elasticidade corporal acima do normal, mostraram como se faz teatro.

São eles o Gonçalo Norton, a Rita Rocha Silva e o Paulo Pinto.

A peça é um drama que não pode acabar bem, mesmo que a personagem Leila vá dizendo “está tudo bem”.  

Eu sentada na cadeira fui olhando para o que me estavam a mostrar e fiquei quase aflita porque pensei que estava também naquele palco a interagir com os atores.

A encenação é do Pedro Carraça que vai crescendo nas suas produções.

A luz ténue e o palco meio despido transmitem um sentimento de arrepio e desconsolo.

A peça é do Inglês David Greig.

Bom teatro, com atores sem tiques é uma bela encenação.

O teatro não poderá nunca morrer.

Faz falta as pessoas.

Parabéns Artistas Unidos!

Subscreva
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Tem algo a dizer? Comente este artigo!x
()
x