Coisas Boas em Alta
Coisas Boas

Bifes versus Tugas

Analisei atentamente nas minhas férias de praia o comportamento dos Portugueses e dos Ingleses.

Claro que não é um estudo nem conclusão científica, mas que há coisas diferentes entre a cultura e os comportamentos numa Praia é evidente.

Os ingleses chegam muito cedo e de imediato abancam nos toldos e depois de exageradamente besuntados com creme atiram-se para as cadeiras e agarram-se aos livros em papel e aos Ipad’s.

Os filhos permanecem de camisolinha todo o dia e tomam grandes banhos assim vestidos. Brincam sem grande acompanhamento dos pais.

Os pais trazem em sacos de supermercado batatas fritas e salgadinhos que devoram acompanhados de cerveja morna todos satisfeitos.

Chegam brancos como a cal e logo no primeiro dia começam a ficar vermelhos e com escaldões.

Não falam alto e dormem umas sonecas.

A coisa mais horrível que vi foi uma inglesa tratar dos pés dela e do marido com uma máquina de pilhas. Tirou os calos, limou as unhas, como se a praia fosse um gabinete de estética.

Não falam muito ao telemóvel.

Passando aos portugueses chegam carregados de toalhas e imensos brinquedos para os filhos.

Os miúdos são também cuidadosamente cobertos com creme protetor e demoram algum tempo a tratar deste assunto.

São raros os portugueses que alugam toldo pois devem fazer contas a vida.

Uns estendem-se à torreira do Sol outros trazem chapéus de sol garridos.

A mãe tem um papel importante pois arruma a roupa de todos e estende as toalhas.

Os miúdos correm para o mar e lá vai o pai ou a mãe protegê-los.

Fazem castelos na areia com o pai e é bonito vê-los.

Trazem sandes e sumos.

Quando chegam as bolas de Berlim é um frenesim e quase todos têm direito a uma bola.

Os meninos ingleses ficam de olho nas bolas, mas nunca vi ninguém comprar.

Não sabem o que perdem.

Os portugueses retiram-se para casa nas horas recomendadas pelos médicos.

Os meninos ingleses dormem ali mesmo uma sesta tranquila a sombra do toldo. Os portugueses falam longamente ao tlm.

O meu estudo comportamental termina aqui.

Mas nunca me esquecendo que somos todos diferentes e todos iguais.

E há que aproveitar a semaninha de férias!

Deixe um comentário

%d bloggers like this: